quinta-feira, 16 de abril de 2015

1º MÊS, MAS JÁ?!

Oi meninas...

Hoje vim relatar o nosso primeiro mês( bem atrasado, pois já estamos chegando em 1 mês e meio). Gente, e como passou rápido?! Sei lá, me lembro de esses dias estar na expectativa de sua chegada, de preparar tudo, e agora ela está bem aqui, se desenvolvendo, já já, falando, andando, já consigo imaginar eu contando sobre seu aniversário de 1 ano, ou de 15 anos ( mãe dramática, e exagerada, ou não?!)
A verdade é que está passando rápido mesmo, e sinto cada vez mais medo de não curtir, de não aproveitar, de registrar cada segundo com ela, de deixar passar a sua primeira gargalhada, ou a primeira vez que me seguiu com os olhos (já aconteceu!), enfim, eu quero ser a primeira a ver tudo primeiro. kkkkk

SOBRE ELA:
- Já pesa (conforme última pesagem, dia  14/04) 3,805 Kg. Ela saiu do hospital pensando 2,665 Kg, isso indica que ela engordou até essa data 1.140 kg.
- Mede ( também dados do dia 14/04): 52 cm, saiu do hospital medindo 46 cm.
- Apoiou as mãos e levantou a cabeça quando estava de bruços com 3 dias de vida, todo mundo ficou chocado ao ver.
- É super durinha e esperta.
- Adooooora ouvir música
- Agarra tudo que chega perto, principalmente quando vamos tirar ou colocar a roupa e dar banho, quer se sentir segura.
- Escolhe quando quer pegar a chupeta.
- É impaciente, muito brava, e de personalidade forte, gosta que as coisas sejam feitas na hora que ela quer, principalmente se for relativo a mamar.
- Não chora para tomar banho, faz uma carinha de muita satisfação.
- Toma dois banhos no dia, quando acorda na banheira, e antes de dormir no balde, para relaxar.
- Já segue a mim e ao papai com os olhos.
- Super apegada a mim, tem dias que ninguém serve, nem mesmo o papai.
- Muito curiosa, quando escuta barulho, para de mamar e as vezes até larga o seio para ver.
- Têm o choro super forte, nunca vi outro bebê chorar assim, garganta de ouro.
-Ela se cala imediatamente, quando está chorando e eu a levanto na altura dos meus olhos e falo: "Beatriz, escuta a mamãe...calma...calma", parece até uma hipnose, e isso é feito desde o primeiro dia de vida, as enfermeiras do hospital ficavam impressionadas quando viam. Descobri que funcionava acidentalmente.
- Começou a ter crises de cólicas com uns 25 dias de vida, aí seguimos algumas orientações do pediatra e experiência de outras mamães quanto a medicamentos, e ela tem dado trégua a mais de uma semana, Graças a Deus.
- Começou a regurgitar em grandes quantidades, ter soluços, e ficar incomodada para arrotar, atrapalhando inclusive as noites de sono na semana depois que fez 1 mês, e após falarmos com pediatra, foi diagnosticada com refluxo fisiológico, processo normal de maturação do organismo.
- Quando não tem essas intercorrências de cólicas e refluxo, dorme de 3 a 4 horas seguidas na noite e na parte da manhã. Já a tarde gosta de agitar, tira pequenos cochilos, vai pro colo da mamãe, brinca, mama, volta a cochilar, mas não adormece profundamente.
- Dá vários sorrisos involuntários enquanto dorme, e já ensaia sorrisos voluntários quando a mamãe conversa e brinca com ela.
- O cabelo está cada dia mais cheio, e enrolado, igual o da mamãe. kkkk
- Está cada dia mais parecida com o pai, só que com os meus cabelos, nariz e cor de pele. Rsrsrs
- Deixa mamãe e papai admirando e babando sem parar, em cada bico, careta, e até quando chora. Estamos apaixonados, achamos ela linda, é a nossa vida, nosso tesouro, nosso melhor presente.

SOBRE MIM:

- Primeiramente, comecei a dar mais valor a minha mãe, na sua força, sua luta, e a entender que ela SEMPRE fez o melhor por mim.
- Aprendi que paciência é uma virtude, e ou você trabalha ela no decorrer da sua vida, ou vai adquiri-la na marra quando for mãe,rsrsrsrs
- Amamentar está no topo das coisas mais difíceis que fiz na vida até agora.
- Apesar de ser difícil, amamentar é bom demais.
- Ler livros e artigos sobre maternagem é bem legal, mas não foi suficiente como suporte após o nascimento da Bia, e o que está valendo mesmo é o meu instinto materno.
- Aprendi a dar muito valor nos pequenos momentos.
- Estar com meu marido e filha um dia todo, babando em cada pequeno avanço dela, nos sorrisos involuntários, nos biquinhos, nas caretas, é o mais prazeroso dos programas do fim de semana.
- Percebi que o tempo passa ainda mais rápido quando vc não quer.
- Aprendi que não existe noite difícil que não possa ser superada ao ver minha filha despertar, sorrir e me olhar.
- Percebi que as dores e necessidades da Bia estarão sempre acima das minhas.
- Criei mais amor pela vida, mais medo de morrer e não ver cada pequeno avanço e passo que ela der.
- Surgiu um medo insano de acontecer qualquer mal a minha filha, um medo que sufoca de a perder. Por isso o desespero quando ela engasga, ou faz barulhos no berço.
- Entendi que tudo o que julgava ser frescura de outras mães, são super válidas quando se trata da minha filha.
- Aprendi que minha filha é um ser humano com necessidades e vontades próprias e que jamais se deve ser comparada com os filhos das amigas.
- Aprendi a ouvir e filtrar as dicas das pessoas, e só colocar em prática o que minha intuição diz que sim.
- Aprendi a dar valor nas pequenas coisas como, tomar um copo de agua quando tenho sede, comer uma comida quente, assistir a um filme, dormir uma noite inteira, sair sem planejamento, acordar quando der na ideia, dormir até tarde nos fins de semana, curtir meu marido, e muitas outras pequenas coisas.
- Aprendi que o amor de mãe pelo filho é inexplicável,e só aumenta a cada dia.
Enfim...Ser mãe é sensacional, é maravilhoso, e mesmo com todo o trabalho, toda a dificuldade , eu jamais vou me arrepender de me tornar mãe.
A Bia é o meu melhor pedaço, ela me faz querer ser cada dia melhor, ela é um presente, e eu só posso agradecer a Deus por permitir que eu viva essa experiência incrível que é a maternidade..


 Bolo do primeiro mêsversário

Bjus*** mamãe e Bia

6 comentários:

Naity disse...

Parabéns!!! É engraçado que depois que viramos mães muitas coisas começam a fazer sentido, não é? ;)

Thalita Loraynny disse...

Verdade! Faz todo o sentido, nasci para ser mae, com certeza! E dar valor a pequenas coisas, nos torna mais felizes, neh?!
Bjus

Rê Silva disse...

Realmente passou super rápido este primeiro mês!
Paparique mto a Bia, vcs merecem viver este momento!

bjus

katia silva disse...

Como está linda sua princesa.... Como passa rápido mesmo! Parabéns pela família linda bjs....

Nise disse...

Mas ta mto esperta mesmo...fazendo tudo isso com um mes.Agora qto a ser mae é um aprendizado constante ,rs
bjo

Gabi disse...

Q legal amiga, o tempo voa né rs aproveite ao máximo sua Bia <3
Obg por compartilhar suas experiencias, pra mim é mt válida pq estarei em breve nessa sua fase!

Bjs

Postar um comentário

Você me deixa muito feliz com seu comentário! Bjus***